O Homem e o Mar - Os Açorianos e a Pesca...
Ver imagem em tamanho Real


O Homem e o Mar - Os Açorianos e a Pesca...

Autor(s): João A. Gomes Vieira

Editora: Intermezzo Audiovisuais

Data de Publicação: 2004

Língua / Nº Páginas: Bilingue PT/EN 259 páginas

ISBN: 972 – 98950 – 1 – 5

O Homem e o Mar – Os Açorianos e a Pesca Longínqua nos Bancos da Terra Nova e Gronelândia” é o título do último livro do florentino João Gomes Vieira e que, de certa forma, conclúi uma trilogia iniciada em “O Homem e o Mar – Embarcações dos Açores” (2002) e continuada com “O Homem e o Mar – Artistas Portugueses do Marfim e do Osso dos Cetáceos – Açores e Madeira. Vidas e Obras” (2003). Tal como aqueles, também este é um livro sem precedentes em termos de abordagem temática. Esta é também uma edição bilingue (português e inglês), apresentando-se, tal como as outras, profusamente ilustrada e com inexcedível qualidade gráfica, saltando à vista a riqueza iconográfica da obra. Estudioso dinâmico e apaixonado pela historiografia e etnografia marítima, João Gomes Vieira disponibiliza dados que são fundamentais para o conhecimento da participação dos açorianos na pesca do bacalhau nos mares gélidos, brumosos e tempestuosos da Terra Nova e Gronelândia, procedendo a uma minuciosa inventariação de todo um património que os novos tempos vão atirando para o esquecimento. Bem documentado e informado, fá-lo criteriosa e meticulosamente, num trabalho de pesquisa a requerer aturado esforço. Estes são apenas alguns dados a partir dos quais João Gomes Vieira lança olhares históricos à frota bacalhoeira portuguesa, tecendo considerações sobre as duras condições de vida a bordo dos navios bacalhoeiros, a faina piscatória (seus métodos, processos e técnicas), a lavagem e seca do bacalhau, a história das empresas bacalhoeiras, dando a conhecer inventários, registos, números, documentos, glossário, notícias de jornais, biografias, depoimentos, testemunhos e memórias de armadores, capitães e pescadores. Mas este é essencialmente um livro de navios e navegações, de borrascas e calmarias, de chegadas e partidas – símbolo maior da errância açoriana.

 

“The Man and the Sea – The People of the Azores and Long – Distance Fishing in the Banks of Newfoundland and Greenland” is the title of João Gomes Vieira, a native of the island of Flores’ latest book, which in a way, brings to a conclusion the trilogy that started with the release of the books “The Man and the Sea – Boats of the Azores “2002) and “Man and the Sea – Portuguese Scrimshaw Artists in Whale Tooth Ivory and Bone, The Azores and Madeira – Their Lives and Works” (2003). Like those previous ones, this is an unprecedented book in terms of thematic approach, in a bilingual edition, presented with a profound illustration and unsurpassed graphic quality, making us faces its iconographic richness. João Gomes Vieira, portrayed as a scholar, dynamic and passionate about the historiography and marine ethnography, provides data that is fundamental for the understanding of the Azoreans involvement on cod fishing on the icy, misty and stormy seas of Newfoundland and Greenland, by making a thorough inventory of an entire heritage that is slowly being forgotten with times. He does so, in a carefully and meticulously way, presenting a well documented and informative research that required a considerable effort. This is just some of the data from which João Gomes Vieira looks upon the history of the Portuguese cod fishing fleets, with considerations on: the harsh living conditions on board the ships, fishing activities (methods, processes and techniques), washing e drying the codfish, the history of cod fishing companies, as well as making a providing information on inventories, records, numbers, documents, glossaries, newspaper articles, biographies and statements and testimonies made by ship – owners, captains and fisherman. But this is a book of ships and voyages that were faced with squalls and lulls, arrivals and departures – a great symbol of the Azoren wandering.


€35.00







Ver Encomenda
O seu carrinho de compras encontra-se de momento vazio.

Contador

Visualizações de conteúdos : 507177